Mercado flutuante em Bangkok: Conheça o Dumnoen Saduak

Por Joyce Parpinelli

Neste Artigo

Imagine um mercado, mas em que os vendedores e compradores ficam em pequenos barcos na água. É mais ou menos assim que é o Mercado Flutuante Dumnoen Saduak (Floating Market) e este é um dos mercados mais populares da Tailândia.

O Floating Market Dumnoen Saduak fica a aproximadamente 100km de Bangkok, na região de Ratchaburi.

Apesar de atualmente essa experiência ser muito voltada ao turismo, lá você poderá vivenciar um pouco dessa antiga tradição da Tailândia e também apreciar cores, sabores e cheiros que a visita proporciona.

No passado, o comércio da Tailândia era feito principalmente pelos rios e canais e o Damnoen Saduak foi construído para ligar o rio Mae Klong às vias fluviais da China, sendo o canal mais longo da Tailândia.

DSC02584 edited 1024x768 1

Como é a visita ao Floating Market Dumnoen Saduak

Para ir até o Floating market, nós compramos o passeio em uma agência em Bangkok.  O tour sai pela manhã, mas vale salientar que quanto mais cedo você for, melhor, para  assim pegar o local com menos turistas e consequentemente, mais tranquilo.

Ao chegar no destino, um barco a motor faz um passeio pelos canais e te leva até o píer do Mercado flutuante. No trajeto, você pode observar as casas que ficam à beira dos canais.

IMG 2832 edited 1 1024x768 1
Barco seguindo para o pier do mercado flutuante
IMG 2825 edited 1024x768 1

Ao chegar no mercado flutuante, você paga a passagem para o barco que irá navegar pelos canais. Já este barco, é a remo, pois é proibido ligar os motores nessa área.

O mercado flutuante é repleto de barquinhos com pessoas comprando, vendendo e trocando mercadorias. Lá você encontra comidas, que são preparadas ali mesmo nos barcos e também frutas, legumes, sorvete, artesanato, entre outros. Sendo assim, aproveite para provar o sorvete de coco e também é um momento interessante para provar alguma fruta exótica da Tailândia.

IMG 2880 edited 1024x768 1
Barcos no mercado flutuante
IMG 2871 edited 768x1024 1
Vendedora no mercado flutuante
IMG 2869 edited 1024x768 1
Preparando alimentos

Os barquinhos são muitos e circulam em ritmo lento. Dessa forma, quando eles param para que seja feita a compra há um congestionamento.

DSC02583 edited 1024x768 1
Barcos com turistas
IMG 2955 edited 1024x768 1
Visão mais ampla do mercado flutuante

Na lateral do canal, há uma área coberta com várias barracas que vendem artesanato e comida, andando um pouco mais, você também encontrará pessoas com animais silvestres como cobras e macacos que são utilizados para fotos com os turistas.

IMG 2878 edited 1024x768 1
Comércio na lateral do canal
IMG 2903 edited 768x1024 1
Cobras sendo expostas

Como ir ao mercado flutuante Dumnoen Saduak

Sem dúvida, a forma mais fácil de ir até o mercado flutuante, é comprando o passeio em uma das diversas agências que há em Bangkok. Nós fomos apenas para o Dumnoen Saduak, mas os tours podem incluir outros como por exemplo, o Mercado do trem Maeklong.

Vale salientar que o tour inclui apenas o transporte até o mercado e retorno ao seu hotel. Sendo assim, ao chegar no mercado flutuante você precisa pagar o bilhete para ir nos barcos.

De ônibus

Se você quiser ir por conta própria até o Dumnoen Saduak, também é possível, entretanto acho que a a economia vs tempo adicional e desgaste físico não vale a pena.

Os ônibus partem do terminal do Sul da rodoviária de Bangkok e o trajeto dura cerca de duas horas.

De Taxi

Outra opção, é pegar um taxi, neste caso, seria interessante negociar com o motorista a inclusão de outros passeios no roteiro.

Importante saber que existem outros mercados flutuantes próximos a Bangkok como o Amphawa Floating Market, Khlong Lat Mayom Floating Market, Taling Chang Floating Market e também o, já citado, mercado do trem Maeklong.

Compartilhe:
Autora: Joyce Parpinelli

Me chamo Joyce, e aqui, relato nossas experiências de viagens, passeios e tudo mais que possa ajudar outros viajantes, seja em viagens solo ou em família.  Sou bacharel em Turismo pela USJT, pós graduada em Gestão de Negócios com ênfase em marketing pela ESPM.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja outros artigos relacionados: